O "elixir" das abelhas

As abelhas procuram pelo melhor mel
Que possa lhes conceder a juventude eterna
Enquanto os terríveis homens
Buscam aquilo que elas tem de melhor

Onde está a justiça quando só olhamos para o umbigo?
Tomando o mais precioso néctar de tudo
E jogando seus restos desnecessários em qualquer lugar?
O que existe mais?
O que existe além?
De nossas predatórias atitudes animais?

Quando um sábio cantar espero que outros ouçam
O som que conta a todos sobre o verdadeiro amor
Que fecunda os corações profundamente envenenados
Trazendo os moribundos homens de volta a vida

Quero uma explicação para meu enigma
Não irei a nenhum lugar sem solução
Sobre o que é o teorema da vida - a fonte
Pois preciso tomar meu elixir agora

Vida, vida, vida em um "bálsamo" de mentiras
Vida, vida, vida qual sua verdadeira essência divina
Que vale pelo sacrifício de um homem
Que derrama de seu "mel" para alimentar a família?

Encontre sua verdade e cresça por fim
Alimente-se do seu próprio mel
Pois quando o santuário das abelhas se for
Quem vai prover seu apetite voraz?

Chega disso agora
Chega por que acabou
A verdade está la fora
Não importa para onde resolva ir

Nenhum comentário:

Bersebah Designs© - Todos os direitos reservados